abril em maio

polas terras de noia há vereadoras que aspiram a vareadoras e rejoneadoras. e trougeram, na semana dos maios e as gestas, uma pseudo-feira-de-abril sevilhana para o real da praça da vila. em noia! algumas pessoas temeram que falte pouco desta feira às touradas e pediram-me para acompanhá-las num pequeno ato subversivo.

e lá fui eu, com este texto, a pandeireta e uma cesta de limões 😀

ademais, entre samba e samba deliciosamente tocadas por isabel rei, botei uns poeminhas d’a noiva e o navio.

noia_3_5_15

todo para que noia continue a ser galega…

 

 

Em Culheredo